Região turística do Pólo Cuesta foi representada na World Travel Market Latin America 2017

Pólo Turístico da Cuesta esteve presente nos três dias de evento no estande da Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo.

Por Redação 11/04/2017 - 16:32 hs
Foto: Divulgação
Os municípios que fazem parte do Pólo Turístico da Cuesta participaram de mais uma edição da  WTM - World Travel Market Latin America, que ocorreu entre 4 a 6 de abril, no Expo Center Norte, em São Paulo.
 
O evento atraiu um público de vários cantos do mundo com objetivo de se reunir e determinar o rumo do setor de viagens e turismo. Ao longo de três dias, mais de 6.500 visitantes influentes e 700 empresas expositoras fizeram networking, negócios e se atualizaram em relação às últimas notícias do setor.
 
O Pólo Turístico da Cuesta esteve presente nos três dias de evento no estande da Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo e foi representado pelos Municípios de Botucatu, Itatinga, São Manuel, Pratânia e Pardinho. Na quarta-feira (4 de abril), o estande do Pólo Cuesta recebeu a visita do secretário de Turismo do Estado, Laércio Benko.
 
Para o presidente executivo do Pólo Cuesta e secretário de Desenvolvimento Econômico de Botucatu, Marcelo Sleiman, a participação do consórcio em feiras como esta é muito importante para divulgação dos atrativos dos municípios para todo Brasil e outros países.
 
“Além de divulgar nossos municípios que fazem parte do Pólo Cuesta a feira também trouxe a oportunidade dos participantes terem acesso a novos conteúdos, trocar informações, adquirir conhecimentos e divulgar o projeto de Cicloturismo da Cuesta, que passa pelas doze cidades do Pólo Cuesta no trajeto total de 520 km, com três rotas temáticas e outras parciais”, destaca.
 
Pólo Cuesta - É um consórcio turístico criado em 2001, como associação sem fins lucrativos, com o objetivo de desenvolver o turismo de forma regional e sustentável através da integração e trabalho em conjunto dos municípios. O consórcio é composto pelos municípios de Anhembi, Areiópolis, Avaré, Barra Bonita, Bofete, Botucatu, Conchas, Itatinga, Paranapanema, Pardinho, Pratânia e São Manuel.
 
O consórcio é considerado um projeto pioneiro no estado de São Paulo, pela sua união, administração, organização e, sobretudo a integração entre os municípios envolvidos, através de seus agentes políticos, secretários de turismo e empresas do segmento.