Botucatu participa de Fórum de Educação para o Trânsito em São Paulo

O evento foi restrito às cidades de Botucatu, São Bernardo do Campo e São Paulo, que mantêm tratativas com o Instituto Renault para a adesão ao projeto “O Trânsito e Eu”.

Por Redação 18/11/2016 - 17:56 hs
Foto: Divulgação
Botucatu participa de Fórum de Educação para o Trânsito em São Paulo
O Município poderá receber mini carros elétricos
Botucatu esteve representada pelo secretário municipal de Mobilidade Urbana (Semutran), Rodrigo Fumis, e pela Educadora de Trânsito, Taís Bandiera, no Open Fórum de Educação para o Trânsito. O encontro foi promovido pelo Instituto Renault, nesta quinta-feira (17), dentro do Salão Internacional do Automóvel, que acontece em São Paulo. 
 
O evento foi restrito às cidades de Botucatu, São Bernardo do Campo e São Paulo, que mantêm tratativas com o Instituto Renault para a adesão ao projeto “O Trânsito e Eu”. Através desta iniciativa, o Município poderá receber mini carros elétricos que poderão ser utilizados nas atividades desenvolvidas com crianças dentro do Centro Vivencial de Trânsito, que foi remodelado em setembro deste ano e fica ao lado da sede da Semutran.
 
“Foi muito boa a troca de experiência neste fórum. Estamos em tratativas com o Instituto Renault desde fevereiro e temos a vantagem de já ter um espaço totalmente adaptado às atividades de educação para o trânsito. Recebemos cerca de 400 crianças por semana de escolas de Botucatu. Estamos bastante esperançosos que Botucatu possa ser contemplada com este projeto”, argumenta Fumis. 
 
“Também temos mantido frequentes cursos de direção defensiva para motoristas profissionais e ciclistas, além dos encontros realizados toda sexta-feira à noite com um grupo de pessoas com medo de dirigir. Temos certeza que o Centro Vivencial é um modelo para que essa e as próximas gerações possam repensar a maneira de como se comportar no trânsito, colocando a preservação da vida sempre em primeiro lugar”, completa.